9 dicas para não errar na criação do email marketing

9 dicas para não errar na criação do email marketing

Quem trabalha com marketing digital já deve ter ouvido que o email marketing está entre as ações mais eficazes — para gerar ou nutrir os leads. E não estamos falando isso da boca para fora, não: um estudo conduzido pela Direct Marketing Association (DMA) destaca que o ROI do email marketing gira em torno de 4.300%.

No entanto, de nada adianta almejar resultados tão promissores quanto esses avaliados pela DMA sem, antes, dispor de um planejamento detalhado. E é o que vamos propor para você, neste post, com 9 dicas para não errar na criação do email marketing.

Confira, e inspire-se em nossas sugestões para criar campanhas realmente direcionadas e otimizadas para impactar o seu público-alvo!

1. Atenção especial ao título

Indispensável conhecer o seu público-alvo para que, ao ler o título do seu email, o seu interesse seja estimulado e ele abra a mensagem. Isso parece até óbvio demais, mas muitos ainda dão pouco valor à criação de um título realmente impactante.

Atenção, apenas, para o equilíbrio entre o funcional e o apelativo. Lembre-se que tudo aquilo que o seu título prometer a mensagem deve cumprir. Então, nada de fazer falsas promessas ao seu público, certo?

2. Faça testes A/B

Como um complemento à primeira dica você deve estar se perguntando como saber qual título de email é o mais funcional ou qual mensagem utilizar, certo? Pois então, a taxa de abertura de e-mails é um ótimo indicativo, mas para ter certeza de que suas campanhas podem obter uma performance melhor, nós indicamos o teste A/B.

Ele funciona assim: você segmenta a sua base de e-mails e encaminha para cada uma delas um título diferente. As que obtiverem a melhor taxa de abertura você mantém, mas também permanece experimentando novas alternativas, como abordagem, imagem, cor, fontes etc..

3. Segmente sua base de emails

A segmentação importa não apenas para o teste A/B, mas para otimizar ainda mais suas campanhas de marketing digital. Tome como exemplo as estratégias de marketing industrial: elas podem focar em atingir um público específico, um consumidor em outra etapa de sua jornada de compra… Isso tudo deve ser devidamente segmentado.

Como resultado, suas campanhas de email marketing serão enviadas para quem realmente deseja receber aquele tipo de mensagem.

4. Planeje estrategicamente a quantidade de emails

Embora você acredite que o email marketing seja exatamente aquilo que o consumidor necessita, a quantidade pode ser tanto um diferencial quanto um impeditivo.

Por isso, atenção à periodicidade e frequência de envio para não cansar os leitores. Assim, em vez de atraí-los você corre o risco de espantá-los. Esse número, entretanto, é uma média que você deve avaliar por meio de experiências. Analise os indicadores e crie uma rotina em seu calendário editorial para manter-se relevante para o seu público.

5. Personalize as mensagens

A experiência do consumidor é um valioso ativo, hoje em dia, para um bom relacionamento com o público. Por isso, trate cada cliente pelo nome e use um e-mail que contenha também o seu nome. Essa relação mais pessoal ajuda na construção e manutenção de uma boa relação.

6. Ofereça um conhecimento amplo em suas mensagens

A diversificação — e integração — de estratégias é um dos grandes trunfos do marketing digital. Por meio do email marketing você consegue usar uma ou mais delas ao mesmo tempo e encantar o seu público.

Por exemplo: em um disparo você pode mostrar que entende os problemas do consumidor e oferecer o download gratuito de um material rico que ajude-o a esclarecer um problema.

7. Pense em simplicidade com objetividade

 

Mensagens curtas, mas poderosas, são essenciais para melhorar a taxa de abertura e engajamento dos usuários com as campanhas de email. Pense que ele não tem tanto tempo disponível e que, por isso, você deve ser relevante e cativante em poucas palavras.

8. Atenção ao momento certo do usuário em sua jornada

Da mesma maneira que a frequência pode espantar o cliente, um email enviado no momento errado também é bastante prejudicial. Por isso, o alinhamento à jornada de compra do consumidor é tão importante.

 

Daí veio a dica anterior de segmentar a sua lista: de nada adianta enviar um email conclusivo para a compra de um consumidor que sequer sabe ter um problema que você pode solucionar.

O timing é considerável para o sucesso do seu email marketing. Conheça a fundo o seu público e você saberá qual tipo de mensagem enviar — e quando.

9. Não compre listas de emails

Por fim, uma dica fundamental para o sucesso do seu email marketing: nunca compre uma lista de emails. E sabe por quê? Porque estamos falando de estratégias personalizadas. Ao comprar uma lista, quem garante que são emails de pessoas interessadas em seus serviços ou produtos?

Esse tipo de estratégia é muito negativo, no mercado, e não deve fazer parte de sua rotina. O marketing digital é um conjunto de estratégias que promove um relacionamento de qualidade com o seu público-alvo. Invista nisso, que os resultados serão melhores do que a aquisição de qualquer lista de emails.

Agora que você já entendeu como planejar campanhas assertivas, que tal complementar o que vimos até aqui e aprender a criar um email marketing que renda resultados para a sua empresa?

Entenda a importância do Email Marketing para seu negócio

Entenda a importância do Email Marketing para seu negócio

Ao realizar um plano de marketing, muitas estratégias são consideradas para que suas ações sejam eficientes e bem direcionadas ao seu público. Mas é indiscutível que o email marketing é uma variável que combina bem com empresas de todos os segmentos e portes.

 E motivos para isso não faltam. Afinal de contas, o email marketing é ainda um dos meios de comunicação mais utilizados — em 2014, por exemplo, 204 milhões de e-mails transitavam ao redor do mundo em apenas 60 segundos. Só que, mais que isso, trata-se de uma estratégia de alto impacto para o seu negócio. E neste post vamos entender por quê. Confira!

O que é o email marketing?

O conceito é compreensível pelo próprio nome: trata-se do uso de uma ou mais ferramentas de email para divulgar o seu negócio, atrair clientes, relacionar-se com eles e aumentar o valor de sua marca — e também o número de conversões.

Sem falar que o seu uso é flexível de acordo com os seus objetivos e estratégias de marketing: é possível também gerar mais tráfego para o seu site com ofertas personalizadas e até mesmo nutrir o conhecimento do seu público-alvo com o envio periódico de newsletters.

Por que investir em email marketing?

Já diria o ditado que uma andorinha só não faz verão e não é diferente com as ações de marketing digital: usar somente o email como ferramenta estratégica não vai render os resultados esperados.

Por isso, o uso combinado de ações é fundamental para alcançar os seus objetivos. Mas, apoiando-se exclusivamente nos benefícios do email marketing, podemos apontar os seguintes fatores:

  • Especialistas apontam que, até 2019, existirão quase 3 bilhões de endereços ativos, o que aumenta a chance de encontrar o seu público-alvo e impactá-lo com o disparo de emails;
  • Por ser um meio de comunicação direto com o público, suas mensagens têm mais visibilidade;
  • O poder de segmentação e personalização é alto, ajudando a reforçar o mantra do marketing digital: enviar a mensagem certa, para a pessoa certa, e no momento certo;
  • O ROI do email marketing é elevadíssimo — com um retorno estimado em 3.600%.

Para colher esses benefícios, entretanto, o email marketing deve ser planejado de maneira estratégica. E é o que veremos logo a seguir!

Como criar um email marketing poderoso?

O objetivo do disparo de um email marketing pode variar, mas todos eles devem ter, em comum, o zelo e cuidado em impactar o leitor desde o título da mensagem. Por isso, reunimos algumas dicas para montar o email marketing e gerar resultados incríveis para as suas ações:

  • Tipografias, imagens e as cores do seu email marketing devem estar profundamente alinhadas com a identidade visual do seu negócio, promovendo um enraizamento de sua marca no ideário do consumidor;
  • Simplicidade, objetividade e clareza são elementares, na mensagem, devendo impactar o leitor desde a primeira linha;
  • Faça uso de um botão de Call to Action (CTA) para orientar o leitor a realizar uma ação que você deseja — como responder a uma pesquisa, acessar uma landing page ou baixar um material gratuito, entre outras possibilidades;
  • Use vídeos, GIFs e imagens de impacto e que ajudem a gerar identificação com o leitor;
  • Respeite os espaços em branco nas páginas, permitindo uma escaneabilidade mais eficiente ao lerem seus emails;
  • Lembre-se da relevância, ao elaborar um conteúdo;
  • Identifique a melhor periodicidade de envio, para não cansar o seu leitor;
  • Revise sempre os seus emails para evitar que eles se tornem alvos fáceis de filtros anti-spam.

Tudo isso condiz com um aspecto fundamental na composição de qualquer estratégia de marketing digital: o alinhamento à demanda do seu público-alvo. Por isso, convidamos você a ler, agora, a importância da persona na elaboração de estratégias digitais!

Técnicas para vender mais com email marketing

Técnicas para vender mais com email marketing

É inegável que o email marketing possui um custo/benefício invejável. Não à toa, é um dos diferenciais das principais estratégias no plano de marketing de conteúdo. A questão é: como criar um email marketing que contribua, ativamente, no seu volume de vendas?

Por meio dessa premissa é que nós vamos nos embrenhar na questão, desmistificando as boas práticas que tornam o email marketing uma ação fundamental para o marketing de sua empresa. Quer saber quais são? Basta acompanhar-nos ao longo desta breve leitura!

Utilize apenas uma base de emails própria

Esta dica é tanto proveitosa para vender mais quanto para manter a sua reputação no mercado. Pense como um consumidor por um instante: quando você passa a receber emails de uma empresa que nunca solicitou a sua permissão para o envio, qual é a sua reação?

A da maioria das pessoas é simples: bloqueia o endereço de email e segue com a sua vida. Uma oportunidade de venda perdida, portanto. Dessa maneira, é importante iniciar suas estratégias de email marketing apenas com os endereços solicitados e devidamente cadastrados. Do contrário, trata-se apenas de uma ação mal vista no mercado.

Faça uso de ferramentas de envio de email marketing

Inclua, em seu plano de marketing, o investimento em uma ferramenta de envio de emails. Afinal, disparar o email marketing diretamente de sua caixa de emails é uma ação limitada. Com esses programas específicos para a tarefa, você ganha uma série de atrativos.

Há, por exemplo, a possibilidade de segmentar os disparos, testar diferentes títulos para diferentes bases de emails para, assim, descobrir qual obtém o maior impacto. É possível até mesmo criar personalizações que vão gerar mais valor ao envio de sua mensagem.

Crie um calendário de frequência e relevância no disparo

Da mesma maneira que ocorre com um blog estruturado, ao aprender como criar um email marketing você entende, também, que relevância e frequência são fundamentais no processo.

Embora não exista uma regra específica para a melhor periodicidade, é importante avaliar de acordo com o perfil do seu público. Pergunte-se:

  • Há assunto suficiente para enviar emails com uma frequência maior?
  • O público demanda por mais emails ou a taxa de abertura diminui à medida que aumento a frequência de disparos?

Vale pautar-se nas respostas para as perguntas acima, mas, também, pelo bom senso. Você e sua equipe gostam de receber emails, de uma mesma empresa, mais de uma vez por semana?

Evite ao máximo caracterizar suas mensagens como spam

Todo provedor de emails possui seus filtros contra spam, mas compartilham algumas regrinhas que você deve evitar ao compor o seu email marketing, como:

  • Títulos em caixa alta;
  • Mensagens em vermelho;
  • Uso excessivo de termos apelativos, como crédito, promoção e grátis;
  • Uso excessivo de pontuação, como exclamações seguidas;
  • Uso de links suspeitos ao longo da mensagem.

Isso tudo, além de quebrar a fluidez de sua mensagem — que deve ser o verdadeiro atrativo do email marketing —, não cai bem aos olhos dos servidores e dos seus clientes em potencial.

Personalize as mensagens

Por fim, vale analisar cuidadosamente o quanto a sua mensagem vai se dirigir, diretamente, ao perfil do seu público. Cabe, aqui, a segmentação de listas para tornar as mensagens mais atrativas e personalizadas, além do uso inteligente de imagens: elas devem causar identificação e estimular os desejos do público.

É importante ter em mente, também, que a opção de descadastramento do envio deve constar em suas mensagens. Trata-se de uma política de boa vizinhança para estabelecer uma relação de confiança com os destinatários.

E então, o que achou de nossas dicas para montar um email marketing arrasador? Para saber mais a respeito de outras dicas para fortalecer suas estratégias de marketing digital, assine a nossa newsletter — localizada no canto superior esquerdo de nosso blog — e fique por dentro de nossas novidades em primeira mão!

Email marketing: como criar um de resultado

Email marketing: como criar um de resultado

Pois é nítido que o email marketing se transformou em uma estratégia fundamental para qualquer empresa ou agência de marketing digital. A questão, portanto, reside em criar um modelo sustentável e que impacte o seu cliente — e clientes em potencial.

Conhecer o funil de vendas e a jornada de compra do seu público-alvo permite a elaboração de uma estratégia de marketing digital assertiva. Afinal, tal conhecimento permite que você entenda os desafios e necessidades do seu consumidor e planeje ações eficazes — entre elas, como criar um email marketing de resultado.

Para ajudar, vamos adiantar algumas respostas para você neste post: confira como criar um e-mail marketing de resultado conosco!

Dicas para criar um email marketing de resultado

Com o advento do marketing digital, o email marketing se postou como uma estratégia diferenciada. Para colher os resultados promissores que suas ações podem proporcionar, entretanto, convém analisar algumas características importantes — como destacadas abaixo:

Construa a base de sua lista de email marketing

Pode parecer óbvio, mas muitos empreendedores — em busca da ilusão de resultados rápidos — compram listas de emails e enviam suas ofertas sem a permissão do usuário.

Vale observar que isso é errado por diversos motivos. Entre eles, o envio de uma oferta que o usuário nunca solicitou e, tampouco, permitiu. Além disso, ao comprar uma lista de emails você está fugindo um dos principais propósitos do email marketing e do marketing digital: enviar a mensagem certa, para a pessoa certa e no momento certo.

Dessa maneira, pegue o caminho mais longo — porém, funcional — de montar uma base de e-mails cadastrados. Estimule o relacionamento com o seu público-alvo, gere ações que os motivem a enviar seus dados e identifique oportunidades que gerem valor a eles ao disparar seu email para eles.

Escolha a plataforma de disparo e personalize suas mensagens

A etapa seguinte consiste em encontrar a melhor plataforma para suprir suas necessidades. Posteriormente, é hora de personalizar a mensagem para que o leitor reconheça a sua marca só pelo título do e-mail — e o endereço de envio, é claro.

Com base nisso, construa uma estratégia de comunicação que compreenda a abordagem, ou tom de voz e os motivos do envio daquela mensagem. Pode ser:

  • Vender;
  • Informar;
  • Educar;
  • Baixar alguns de seus materiais de divulgação.

Entre outras possibilidades. Ter isso em mente, no entanto, facilita a elaboração de ações estratégicas e é uma parte fundamental para quem procura saber como criar um email marketing de resultado.

Padronize suas mensagens para gerar valor ao cliente

É hora de adicionar elementos cativantes e que acrescentem algo à rotina do seu leitor. Isso inclui o uso de:

  • Botão de Call to Action para orientar o usuário à ação desejada;
  • Título impactante, mas cujas respostas sejam solucionadas no corpo da mensagem;
  • Proporção equilibrada de imagens e texto — cerca de 40 e 60%, respectivamente, do seu email marketing;
  • Atenção no tamanho do seu email. Mantenha-o leve para o fácil recebimento e leitura do seu público;
  • Mantenha sempre, no final do email, orientações para o usuário descadastrar o seu endereço, caso queira.

Construa um planejamento estratégico

Crie um planejamento tendo em mente a periodicidade no envio do email, a frequência e um alinhamento com o seu calendário de produções.

Isso tudo ajuda a manter um foco assertivo e de acordo com a sua estratégia em marketing digital. E lembre-se, também, que a segmentação é determinante para se aproximar do seu público e criar um email marketing de resultado — ou seja: aquele que realmente signifique algo, para o consumidor, e incentive-o naturalmente a abrir suas mensagens.

Atenção à mensuração de resultados

Por fim, é importante avaliar a mensuração de resultados — que é a base de toda estratégia de marketing digital. Para isso, convém contar com o apoio de uma agência de marketing digital, que consegue traduzir rapidamente seus objetivos em ações estratégicas.

E, para que você entenda o que uma agência de marketing digital pode fazer por você e ajudar em outras coisas, além de criar um e-mail marketing de resultados, confira 5 pontos fundamentais em uma estratégia de marketing industrial!

Email Marketing: Por que utilizar esta super ferramenta?

Email Marketing: Por que utilizar esta super ferramenta?

Quando as redes sociais tomaram força e volume, muitos apostaram que o email marketing estava com os dias contados. Ledo engano que, hoje, se apresenta como uma as ferramentas mais impactantes para as suas estratégias de marketing.

Isso porque elas são incríveis ferramentas de segmentação e encantamento do seu público-alvo, sem falar na sua versatilidade para servir como canal de divulgação, interação e comunicação com o seu consumidor.

Quer saber um pouco mais sobre a relevância do email marketing para o desenvolvimento de sua marca? Acompanhe as dicas que reunimos neste artigo!

Por que apostar em estratégias com o email marketing?

Sim, as redes sociais dominaram a predileção do usuário e fazem parte de grande parte das ações de marketing digital, mas vale lembrar que o e-mail é uma ferramenta usada diariamente, também. Se não no trabalho, para assuntos pessoais.

Esse fato por si só já é de grande relevância para usar o email marketing entre as suas estratégias. Mas existem outras razões que deveriam fazer você considerar o seu uso, como:

  • Você pode ampliar o alcance de sua marca, considerando que existe a expectativa de que, até 2019, tenhamos cerca de 2,9 bilhões de endereços ativos;
  • O e-mail é um canal de comunicação direta com o seu público, aumentando a visibilidade de suas mensagens;
  • As mensagens podem ser personalizadas e segmentadas, fisgando o seu público com a abordagem certa para cada perfil de cliente que você possua;
  • O seu ROI é elevado, com um retorno estimado em 3.600%.

Razoes suficientes para contar com uma boa agência especializada, capaz de trabalhar esses índices positivos em sua empresa, não acha?

Vamos ver, então, quais são as principais maneiras de traduzir a sua estratégia em resultados?

Com usar o email marketing?

O uso do email marketing vai muito além da promoção dos seus serviços ou produtos. Com uma estratégia de marketing digital bem elaborada, você pode usar essa ferramenta para:

Engajar seus leads

Trata-se, apenas, de um cuidado e atenção em trabalhar o relacionamento com os seus clientes com mensagens personalizadas, periodicamente, para mostrar a eles que você se lembra deles e que, diante de uma necessidade, eles se lembrem da sua marca.

Divulgar os seus conteúdos

A newsletter é uma popular maneira de se aproximar do seu público-alvo e, ainda, manter o interesse elevado a respeito das novidades que você alimenta em suas páginas, como o blog.

Aumentar as vendas

O e-mail pode facilitar o interesse do consumidor em adquirir um produto ou serviço ou, até mesmo, a entrar em contato com você, uma vez que você pode segmentar as suas campanhas.

Dessa maneira, ao conhecer o perfil de cada cliente, você cria mensagens personalizadas para trazer oportunidades de negócio até eles.

Dicas para criar e-mails impactantes

Todo esse retorno positivo de uma campanha de email marketing deve ser trabalhado cuidadosamente para que a sua periodicidade ou falta de objetividade não incomodem os usuário — a ponto de colocarem o seu endereço de e-mail na lista de spam.

Para isso, convém se atentar a algumas dicas para criar e-mails memoráveis, como:

  • Textos objetivos e impactantes são preferíveis, pois ganham a atenção do leitor de imediato;
  • A linguagem e a abordagem também são determinantes, por isso, conhecer o perfil do seu público importa bastante para adequar às suas campanhas de email marketing;
  • O mesmo podemos dizer do tom do e-mail: reproduza um diálogo — o mais personalizado possível — para que o leitor se sinta interagindo com você, e não com uma mensagem genérica, disparada para milhares de contatos.

Dessa maneira, você tem muito mais chances de empreender uma estratégia de email marketing capaz de chamar a atenção do seu público. Entre em contato conosco, e veja como podemos personalizá-la para atingir em cheio a demanda do seu mercado!

Pin It on Pinterest