Marketing de conteúdo: como aumentar as vendas da sua empresa com o tráfego orgânico

Marketing de conteúdo: como aumentar as vendas da sua empresa com o tráfego orgânico

Tráfego orgânico, hoje em dia, está intrinsecamente relacionado ao seu aprendizado sobre como aumentar as vendas, sabia? Desde que, é claro, você esteja atentando-se ao uso das boas práticas em marketing de conteúdo para desenvolver o alcance digital da sua empresa.

O que nos leva à pergunta: como andam as suas estratégias de marketing? A questão é de grande relevância, uma vez que o marketing de conteúdo tem correspondido a uma elevada parcela de sucesso no desenvolvimento das empresas, nos últimos anos.  

E, se você também tem interesse em aumentar o tráfego orgânico que direcione os resultados de busca à sua empresa, siga com esta leitura. Nos próximos tópicos, vamos explorar os grandes diferenciais do marketing de conteúdo, e como usá-lo de maneira assertiva!

[e-Book] Buyer Persona Guia completo para jornada de compra | Baixar grátis | Agência Labra

Como aumentar as vendas com o marketing de conteúdo

A seguir, selecionamos algumas dicas pontuais que podem ser aplicadas diretamente nas suas estratégias de marketing industrial e, assim, melhorar o tráfego orgânico nas suas páginas on-line!

Anuncie a sua marca nos meios digitais

Pode parecer uma dica óbvia, mas muito empreendedor se esquece que o marketing de conteúdo se estende à produção de artigos para o seu blog ou redes sociais. Existem, também, as campanhas de anúncios digitais, como o AdWords e o Facebook Ads, que ajuda a aumentar o alcance das suas estratégias de marketing.

Convém destacar o valor dessas ações pelo simples motivo de que os anúncios aparecem, especificamente, para o perfil do seu público em potencial — o que pode melhorar significativamente o tráfego orgânico.

Apareça nas redes sociais

Sua empresa está nas redes sociais? Reformulando: sua empresa está nas redes sociais onde a sua persona mais se concentra?

São perguntas similares, mas cujas diferenças fazem muito sentido para o uso planejado do marketing de conteúdo. Afinal, do que adianta usar uma rede social que nenhum cliente em potencial da sua empresa faz uso?

Comece pesquisando, então, quais mídias a sua audiência consome, e transforme esses hábitos em atrativos para que ela se relacione, continuamente, com os seus conteúdos. Dessa maneira, a prospecção de clientes se torna mais fácil e assertiva com o tempo.

Varie as mídias e os tipos de conteúdo

Além da dica acima, experimente modificar, nas suas estratégias de marketing, as mídias e os tipos de conteúdo compartilhados.

Por exemplo: por que limitar-se aos textos do blog? Experimente fazer infográficos, abusar da criatividade em imagens cativantes ou, ainda, em vídeos — que são, inclusive, responsáveis por grande parte do tráfego on-line, hoje em dia.

Tenha foco nas palavras-chave de cauda longa

Palavras-chave de cauda longa são aquelas que obtêm um bom volume de pesquisa do seu consumidor. Aliando-as às melhores práticas de SEO, é possível ranquear melhor os seus conteúdos, deixando-os cada vez mais próximos do topo do Google.

Faça parcerias

O guest post é uma maneira incrível, dentro do marketing de conteúdo, de melhorar o ranqueamento e o nível de autoridade da sua empresa nos mecanismos de busca — o que promove, também, o tráfego orgânico.

Para tanto, identifique quais empresas podem se relacionar efetivamente com a sua marca e desenvolva uma relação de qualidade com elas. Assim, a troca de conteúdos garante mais solidez à autoridade que ambas as marcas buscam promover, no mercado, gerando mais valor também na relação com o seu público-alvo.

Use e abuse dos links internos e externos

Criou um novo conteúdo? Então, relacione-o a outras produções de sua própria empresa (os links internos) e embase os seus argumentos com outros sites que são referência (links externos).

Marketing de conteúdo: como aumentar as vendas da sua empresa com o tráfego orgânico

Isso ajuda a fazer com que os mecanismos de busca identifiquem as suas estratégias de marketing como relevantes, nesse oceano de empresas que também investem em marketing de conteúdo.

E, vale mencionar: quanto mais relevante esses mecanismos considerarem a sua ação de marketing de conteúdo, melhor ranqueadas serão as suas páginas.

Aposte no uso do e-mail marketing

O e-mail não morreu, com a chegada do marketing de conteúdo. Pelo contrário: ganhou superpoderes para alcançar, relacionar e vender para o seu consumidor. Use-o de maneira estratégica, alinhando-o à jornada de compra do seu consumidor, e explore todo o potencial dessa valiosa ferramenta de comunicação!

Atenção ao seu site

O seu site é responsivo (adaptável para quem acessa também via dispositivos móveis, como smartphones e tablets) e rápido? Acredite, isso faz toda a diferença para garantir que o usuário não abandone a visita em segundos.

Foque, portanto, em alternativas para garantir uma navegabilidade veloz, segura e harmônica. A experiência do usuário é valiosa, e está devidamente inserida nas melhores práticas do marketing de conteúdo.

Agora que você já entendeu como aumentar as vendas a partir das estratégias de marketing digital, que tal irmos além e complementar tudo o que foi visto aqui? Para isso, aproveite para ler também as nossas dicas sobre como aumentar as vendas em 2019?

[e-book] As melhores estratégias para aumentar as vendas na indústria | Baixar grátis | Agência Labra

Por que escolher uma agência de inbound marketing?

Por que escolher uma agência de inbound marketing?

Marketing digital é muito mais do que criar um perfil no Facebook e responder aos comentários dos seus seguidores. Para que a empresa se destaque nos meios virtuais, é preciso acompanhar resultados, utilizar estratégias eficientes e ficar de olho nas tendências. Por isso, escolher contratar uma agência de inbound marketing vai te ajudar ainda mais a vender.

O uso da internet como meio para atrair e fidelizar clientes ainda é algo relativamente recente. Não à toa, surgem novas mídias, ferramentas e conceitos com frequência, e que podem potencializar a sua estratégia online.

No entanto, algumas questões podem surgir, como: é possível atentar-se em todas as novidades? Como garantir que os recursos digitais serão bem aproveitados pela empresa?

O segredo do sucesso é contar com quem tem conhecimento e experiência no assunto, ou seja, com uma agência de inbound marketing especializada. Quer saber mais a respeito? É só seguir com a leitura deste post!

Use a isca certa para os maiores peixes! Conheça mais sobre inbound marketing industrial!

Como uma boa agência de inbound marketing ajuda a aumentar as vendas?

Contar com profissionais especializados é algo essencial para profissionalizar a estratégia digital da empresa — e é exatamente isso que uma boa agência de inbound marketing oferece.

Além de adicionar ao time de trabalho pessoas experientes em ações que envolvem as redes sociais, o blog, o site e demais plataformas online, contratar uma agência é uma maneira de contar com as técnicas e ferramentas necessárias para que a sua empresa se destaque e apresente uma boa performance na web.

Escolher uma boa agência é importante para que as ações digitais ganhem forma de estratégia, trazendo resultados mensuráveis e mais oportunidades para o negócio.

Ela pode ser responsável pelo planejamento, pela aplicação e pelo acompanhamento de tudo que a empresa faz nos meios online – garantindo que a marca tenha a imagem ideal para conquistar os seus potenciais clientes.

Mas não para por aí. Confira, a seguir, outros benefícios ao contratar uma agência especializada em inbound marketing:

  • são equipes multidisciplinares, que agregam conhecimentos no planejamento e na execução de estratégias;
  • as estratégias apresentadas são escaláveis. Ou seja: a agência se adapta às suas necessidades, desafios e objetivos — e em tempo hábil;
  • as estratégias são rapidamente implementadas, considerando que não há necessidade de contratar, treinar e investir internamente nesses recursos;
  • o orçamento é acessível, também, moldando-se à sua disponibilidade. O que também permite, posteriormente, novos ajustes conforme os resultados aparecerem;
  • custo-benefício deve ser destacado, uma vez que o ROI dessas ações podem ser mensurados em curto, médio e longo prazo. Quando o inbound marketing é internalizado, as ações em curto prazo são dificilmente percebidas;
  • o alinhamento entre marketing e vendas é promovido, de maneira que uma ação externa contribua, ativamente, para que a sua empresa se alinhe e foque na busca pelos mesmos resultados;
  • a proximidade física é facilmente contornada por meio de reuniões pontuais, bem como o envio de relatórios constantemente, permitindo que você acompanhe, em tempo real, os avanços feitos em inbound marketing.

Pois agora que já cobrimos boa parte do aspecto técnico, sobre contratar uma agência especializada em inbound marketing, que tal vermos o que considerar ao pesquisar as melhores empresas do gênero?

Como escolher uma agência de inbound marketing?

Mas, para atingir os resultados esperados, é fundamental acertar na escolha da agência de inbound marketing.

Para isso, alguns cuidados são necessários. Antes de tudo é preciso traçar quais são os objetivos que o seu negócio espera alcançar com a campanha digital.

Tenha em mente esses objetivos na hora de avaliar uma agência:

  • ela oferece os serviços que a sua empresa precisa?
  • os cases de clientes mostram características que você busca na sua estratégia digital?
  • as especialidades da agência vão de encontro ao que o seu negócio busca?

Também é importante avaliar o conhecimento e a reputação da agência. Procure saber o que clientes têm a dizer sobre os serviços recebidos e, veja se a agência possui certificados que a qualifiquem para trabalhar com marketing digital.

Além disso, é fundamental conhecer os profissionais que irão trabalhar diretamente com a sua empresa. Conversar sobre as suas expectativas e ouvir ideias – antes de fechar a contratação.

A agência irá trabalhar em parceria com o seu negócio, usando conhecimento técnico para obter melhores resultados. É muito importante que haja sinergia entre as partes e, que compreenda os objetivos da empresa desde o começo.

Vale checar ainda como a agência de inbound marketing se apresenta na internet. O seu site é bem organizado? As redes sociais são ativas e apresentam conteúdo relevante? São exemplos de indícios que ajudam a perceber se a agência realmente entende de marketing digital.

Estratégias que podem ajudar sua empresa a crescer!

Outros aspectos que podem complementar a sua busca pela agência de inbound marketing ideal:

  • a empresa se compromete em prestar os devidos esclarecimentos, e em tempo hábil, aos seus clientes? Cheque isso antes de fechar qualquer negócio;
  • como é o modelo de trabalho da agência? Muitas prestam apenas consultoria, enquanto outras empresas oferecem uma verdadeira parceria, atuando em sincronia com o seu ritmo, necessidades e objetivos;
  • quais serviços, além do inbound marketing, a agência pode oferecer e complementar as estratégias digitais para atrair mais leads qualificados e fortalecer a sua marca;
  • verifique o nicho de especialização da agência. Lembre-se que as ações para o marketing industrial diferem, por exemplo, das estratégias varejistas. Daí, a importância em encontrar uma empresa que “fale o seu idioma”;
  • cheque os prazos e metas para cada ação. O inbound marketing é um conjunto de estratégias que, com o tempo, amadurece e promove melhorias contínuas. Desconfie dos milagreiros que prometem resultados da noite para o dia;
  • por fim, avalie quais certificações e prêmios a agência de inbound marketing possui. Isso dá uma boa prévia dos resultados que ela obteve em sua trajetória e pode repercutir também na sua realidade cotidiana.

E aí, está em busca de uma agência que reúna todas as questões acima? Então, continue conosco para entender como a Agência LABRA está à frente desses aspectos e pode criar uma verdadeira experiência personalizada para o seu negócio!

Por que contratar os serviços da LABRA?

A LABRA é uma agência de inbound marketing industrial que oferece serviços variados para atender a diferentes necessidades. Com enfoque comercial, os seus profissionais criam ações eficientes que envolvem serviços em sites institucionais, redes sociais, criação de conteúdo e entre outros.

Vale destacar também, que a agência conta com conhecimento para garantir conteúdos otimizados, e-mails marketing mais eficientes e melhores campanhas em plataformas como o Google AdWords.

O portfólio da agência, que pode ser visualizado em seu site, mostra que há uma ampla variedade de clientes: indústrias, prestadoras de serviços, móveis, arquitetura, engenharia são alguns exemplos.

Além disso, a LABRA possui certificados que a qualificam para aplicar e monitorar ações digitais com eficiência.

Está procurando uma agência de inbound marketing para profissionalizar as ações digitais realizadas pela sua empresa? Então, entenda a partir da leitura de outro artigo nosso como você pode construir a sua marca a partir do uso estratégico e profissional do inbound marketing.

 

Construindo marcas com Inbound Marketing

Construindo marcas com Inbound Marketing

Se a sua empresa deixasse de existir amanhã, quantos dos seus clientes sentiriam falta dela? Essa é uma boa pergunta para avaliar como está o engajamento dos consumidores. É importante lembrar que, quanto maior o engajamento, melhores são os resultados alcançados. Criar laços fortes, para engajar o público-alvo, é uma das grandes possibilidades trazidas pelo Inbound Marketing.

Com um bom planejamento, essa estratégia pode contribuir para o desenvolvimento de uma marca focada no cliente, pronta para atender as demandas do consumidor moderno.

Vamos ver, então, como o Inbound Marketing é fundamental nesse processo? Boa leitura!

[e-book] As melhores estratégias para aumentar as vendas na indústria | Baixar grátis | Agência Labra

Como o Inbound Marketing ajuda na construção de uma marca?

São claras as mudanças no comportamento do consumidor. Talvez, a maior delas seja o fato de que eles são personagens muito mais ativos no processo de compras, hoje em dia.

Com isso, as ações de marketing precisaram acompanhar as transformações do mercado — daí surgiu o Inbound Marketing, também conhecido como marketing de atração.

Se os consumidores assistiam a anúncios prontos e apenas reagiam a eles (comprando o produto anunciado, por exemplo), os compradores modernos querem mais — e participar do desenvolvimento do produto. Em outras palavras, querem interagir desde o começo.

Como as ações de Inbound Marketing beneficiam a empresa e o cliente?

Para os consumidores, essa nova forma de marketing significa:

  • acesso a informações relevantes e maiores possibilidades de encontrar produtos;
  • relacionar-se com as empresas que suprem suas necessidades;
  • compreender melhor os desafios enfrentados em suas rotinas;
  • identificar as melhores soluções para a sua tomada de decisão.

A empresa ganha, com isso, uma importante opinião — a do consumidor — na criação e no desenvolvimento da sua marca.

Vale destacar que a opinião do cliente é a melhor maneira de garantir uma imagem que apresente todos os atributos necessários para engajá-lo. Sem falar que as ações de Inbound Marketing também se traduzem em uma consolidação de presença digital da sua empresa.

E sabe quais são os benefícios disso — não apenas para um cliente em potencial, mas para todo o seu público-alvo?

  • facilita que mais pessoas conheçam a sua empresa por meio de suas pesquisas on-line;
  • gera mais engajamento com o seu consumidor;
  • aumenta as vendas;
  • fideliza os clientes;
  • gera mais competitividade no mercado, independentemente do porte de sua empresa;
  • personaliza profundamente as suas estratégias;
  • possibilita o monitoramento de campanhas, ajustando-as em tempo real para otimizá-las.

Quando a empresa utiliza ações de Inbound Marketing, ela muda o seu foco para o cliente. Qual é a linguagem, os meios de comunicação e as principais dúvidas do seu público-alvo?

A partir de perguntas como essas, sempre direcionadas ao consumidor que se espera atingir, são definidas as estratégias de marketing do negócio. O resultado é um relacionamento muito mais forte entre a marca e o cliente.

Como deixar impressões positivas para o público?

Um exemplo de canal que possibilita o diálogo entre empresa e consumidor é a rede social. Por meio de sites como Facebook, Twitter e Instagram é possível compartilhar conteúdos, trocar ideias e iniciar discussões saudáveis com o público-alvo.

Essas são conversas que ajudam na promoção de melhorias constantes tanto na imagem da empresa quanto em seus produtos. Por isso, são espaços ideais para promover o engajamento por meio de ações de Inbound Marketing, mas, para isso, é essencial manter a interação ativa.

Estratégias que podem ajudar sua empresa a crescer!

Empresas precisam de consumidores para crescer, certo? A melhor maneira de conquistar mais clientes é colocando-os no centro da organização. Deixar que eles participem das tomadas de decisão, contar com a sua opinião na implementação de melhorias e na construção da marca de uma maneira geral.

Essa é a melhor forma de garantir que a marca deixe uma impressão, não só positiva, mas também memorável na mente do consumidor. O tipo de marca que se destaca e que, se fechasse amanhã, faria muita falta para o seu público-alvo.

Para tanto, tenha em mente algumas ações que ajudam na construção da sua marca por meio das melhores estratégias de Inbound Marketing:

  • construa sua buyer persona, que é a personificação (fictícia) do seu consumidor ideal, detalhando seus objetivos, necessidades e desafios — bem como o caminho que sua empresa deve percorrer para solucionar tais questões;
  • produza conteúdos — nas já citadas redes sociais, por exemplo — relevantes no seu site e também em seu blog corporativo. Isso gera mais presença digital, melhora o ranqueamento de suas páginas nos mecanismos de busca e aproxima a sua marca de clientes em potencial;
  • a nutrição de leads é uma etapa crucial, pois ela transforma os seus visitantes anônimos em leads (prospectos), com dados de contato e uma personalização maior para suas campanhas;
  • o SEO, por fim, é a base estrutural do marketing digital e, consequentemente, do Inbound Marketing. Trata-se do conhecimento das pesquisas feitas pelo seu público-alvo, e a transformação delas em oportunidades de negócio para suprir a demanda gerada pela sua audiência.

A produção de conteúdo é o DNA do Inbound Marketing. Para tanto, é fundamental passar por essas etapas de planejamento, para que as suas campanhas digitais estejam profundamente alinhadas ao perfil do seu consumidor ideal.

E você, já usa estratégias de Inbound Marketing no processo de construção da sua marca e em todas as suas páginas? Que tal complementar tudo o que vimos aqui baixando, gratuitamente, o nosso e-book explicando como vender mais com sites institucionais?

Faça sua avaliação digital grátis clicando aqui e conheça todas as possibilidades para sua empresa!

O que é Growth Driven Design e por que adotar?

O que é Growth Driven Design e por que adotar?

O seu site já é eficiente em atrair leads qualificados e em gerar novos negócios para a empresa? Ele já conta com uma estratégia potente, direcionada pelo comportamento do seu público-alvo? Já apresenta melhorias constantes feitas mensalmente para garantir a retenção dos seus potenciais clientes? Tudo isso é possível com o uso de um novo conceito utilizado pelo marketing digital: o Growth Driven Design (GDD).

Esta é uma estratégia com etapas leves, que busca acelerar os resultados apresentados por um site. Baixo custo de implementação, maior engajamento do público e atualizações constantes são algumas das características do GDD. Saiba mais:

O que é o Growth Driven Design?

Growth Driven Design (ou GDD) é uma estratégia que tem como objetivo inovar a maneira como as empresas lançam, renovam e otimizam os seus sites. Trata-se de uma solução mais dinâmica do que a tradicional, baseada em ciclos que se repetem constantemente.

Podemos perceber essa intenção já no próprio nome: a tradução literal para Growth Driven Design é Desenvolvimento Orientado ao Crescimento. Ou seja: a ciência de que o seu site e as suas páginas digitais não podem ser idealizados como um projeto finalizado e inflexível.

O que é o Growth Driven Design?

Por sua vez, o Growth Driven Design está atrelado a um modelo de negócio em que a sua equipe vai privilegiar, continuamente, as necessidades do seu usuário. E isso vem por meio de atualizações, novas ferramentas e estratégias que se adaptam ao perfil do consumidor.

Esses ciclos consideram o comportamento do público no site, métricas relevantes e conceitos de Inbound Marketing para garantir que a plataforma utilizada pela empresa esteja em constante melhoria. A intenção é que o site esteja por dentro das tendências e que apresente sempre a melhor performance possível para o seu público-alvo.

Como o GDD funciona?

A metodologia Growth Driven Design é baseada em ciclos, que costumam durar alguns meses. Cada ciclo conta com etapas que envolvem análise, planejamento, desenvolvimento e otimização. Na análise, por exemplo, são identificadas melhorias para que o site da empresa ofereça uma melhor performance.

Estas melhorias consideram, principalmente, o comportamento que os seus potenciais clientes apresentam quando estão conectados no endereço virtual do seu negócio. Já no desenvolvimento, são criadas novas funcionalidades e feitos os ajustes necessários para garantir uma excelente navegação no site.

Estes são ciclos contínuos, o que faz com que a evolução na plataforma da empresa também seja constante. As atualizações não acontecem a cada dois ou três anos, mas a cada poucos meses.

Quais são os benefícios do Growth Driven Design?

Quem opta pela metodologia GDD, conta com atualizações constantes no site, garantindo que sua empresa se modernize na mesma velocidade e ritmo das atualizações do mercado.

Além disso, as etapas menores e de rápida execução, em que o GDD se divide, ajudam a diminuir riscos no projeto digital do negócio.

Outro benefício desta metodologia é a possibilidade de criar uma ótima experiência de navegação – a partir do ponto de vista do consumidor – algo que ajuda a fortalecer o vínculo da empresa com o seu público-alvo.

Que tal vermos outros exemplos de como o Growth Driven Design pode fazer a diferença para o seu negócio?

Redução de custos

O Growth Driven Design pode ser implementado rapidamente. Afinal de contas, as próprias soluções do mercado de marketing digital já são pensadas para serem atualizadas.

Isso significa que você vai investir em uma mudança impactante, e em curto prazo. Os riscos também são menores, já que você vai acompanhar os benefícios dessas atualizações e compreender como elas vão aproximar a sua marca do consumidor.

Aprendizado constante

Vivemos uma época em que a tecnologia “aprende” mais sobre os hábitos de navegação on-line do consumidor. E o Growth Driven Design está intimamente associado a isso, sempre um passo à frente das movimentações do mercado e para onde estão rumando as grandes tendências do setor.

Aumento de vendas

Com um processo de vendas estruturado, o Growth Driven Design lida com uma resposta do seu consumidor e ajuda na flexibilização das suas estratégias.

Pois as ações digitais têm como principal objetivo esse distanciamento menor entre o seu empreendimento e a demanda do público-alvo. Quando o Growth Driven Design se associa às suas estratégias e tecnologias, você está gerando mais renda a partir desse relacionamento de qualidade estabelecido e mantido.

Uso associado ao inbound marketing

Vale destacar que o Growth Driven Design é uma poderosa ferramenta para manter as suas ações de inbound marketing sempre relevantes.

Afinal de contas, esse modelo de negócios prioriza a experiência do usuário — o que facilita a aproximação do consumidor, a geração de leads qualificados e, consequentemente, no estabelecimento de novas estratégias de relacionamento, vendas e fidelização.

Por que investir em Growth Driven Design?

Growth Driven Design é um conceito que possibilita a criação de sites rápidos e otimizados em um curto espaço de tempo. Quando utilizado, ele contribui positivamente para os resultados apresentados pelas suas campanhas de marketing digital e garante que o seu site apresente uma excelente performance.

E você, o que acha do Growth Driven Design? Deixe a sua opinião sobre o assunto nos comentários. Não deixe de acompanhar nosso blog com conteúdos semanais!

Peça um orçamento para fazer um site de vendas! | Agência LABRA

O significado das cores para logotipo e como escolhê-las!

O significado das cores para logotipo e como escolhê-las!

O preto utilizado no logotipo da Adidas, o azul da Wolkswagen e o vermelho da Coca-Cola não foram escolhidos por acaso. Essas também não foram escolhas influenciadas pelo gosto pessoal dos donos das empresas ou pelas cores da moda.

Para criar um logo tão impactante quanto o das marcas citadas é preciso, antes de tudo, conhecer a psicologia das cores.

Ou seja: compreender a fundo quais são os sentimentos que cada tom desperta. O preto da Adidas, por exemplo, passa uma sensação de elegância. Já o azul faz com que a Wolkswagen transmita mais confiança ao consumidor e o vermelho, da Coca-Cola, tem entre as suas intenções despertar o apetite do seu público-alvo.

Quer saber como aplicar isso no seu negócio? Então, saiba mais sobre as sensações despertadas pelas cores e descubra como escolher a combinação de tons ideal para o logotipo da sua empresa!

O uso estratégico das cores no marketing

As cores têm uma relevância indiscutível em nossas decisões. E não estamos falando apenas de um logotipo, mas, basicamente, em muitas de nossas questões particulares também.

Pense, rapidamente conosco: um veículo, uma roupa, um brinquedo ou a parede da sala. Questões mundanas, mas amplamente influenciadas por uma mensagem que queremos transmitir e que as pessoas as captem.

Logotipo | Agência Labra

No mercado, a psicologia das cores tem também um impacto imenso. De acordo com Neil Patel, do Quiclk Sprout, a sua decisão por uma cor, em detrimento de outra, pode representar até 85% da tomada de decisão do seu público-alvo.

Relevante, não é mesmo? Vamos conferir quais são as etapas estratégicas que a sua empresa deve considerar antes de apontar a primeira tonalidade que surgir na aquarela.

O que considerar antes de escolher as cores do logotipo

Antes de definir quais serão as cores do logotipo, é preciso responder a duas perguntas: que imagem a sua empresa espera passar para o consumidor e qual é o público-alvo que se espera atingir. A partir daí, é possível fazer uma escolha precisa sobre as cores que serão utilizadas no logotipo.

O logotipo é um elemento muito importante para a empresa. Ele a representa visualmente e, é utilizado nas embalagens de produtos, em placas de sinalização, no site e em diversos materiais distribuídos para clientes e parceiros.

Um bom logotipo é eficiente em transmitir a imagem que a empresa espera ter no mercado e, em fazer com que os consumidores-alvo se identifiquem com a marca. As cores escolhidas têm um papel essencial para isso.

O significado das cores

Cores mais fáceis de serem identificadas têm um melhor impacto em audiências das classes C, D e E. Por isso, se a sua empresa é voltada para este público, prefira escolher tons como o verde, o azul e, o laranja. Evite o uso de cores elaboradas, como o turquesa ou o caramelo.

Outro cuidado importante, é não se deixar influenciar pelas cores da moda. A cor do ano 2017 escolhida pela Pantone, por exemplo, é o verde Greenery. O tom deve influenciar o trabalho de designers, fashionistas e decoradores, mas nunca a escolha de um logotipo.

Afinal, a cor vai estar em alta por um curto período de tempo e, a ideia é que o seu logo perdure por muitos anos.

Em vez disso, use como base as reações que, segundo a psicologia, cada cor é capaz de provocar. Veja alguns exemplos:

  • verde: remete à ecologia, desperta sensações de frescor e de tranquilidade;
  • preto: pode remeter ao clássico e conservador. Também dá elegância à marca e pode transmitir um pouco de mistério;
  • amarelo: desperta a curiosidade e o otimismo, mas é preciso ter cuidado para não exagerar no uso desta cor. Em excesso, o amarelo estimula a ansiedade;
  • roxo: a cor está ligada à realeza, por isso, pode dar mais sofisticação à marca. O roxo também pode remeter à espiritualidade, à fantasia e à imaginação;
  • rosa: cor que proporciona calma, ligada ao romantismo e a feminilidade;
  • dourado: remete à alta qualidade e ao luxo.

Essas são apenas algumas das cores mais usadas por empreendedores. Convém avaliar, dentro do vasto repertório de cores, aquelas tonalidades que mais traduzem os valores da sua empresa em alinhamento ao perfil do seu público.

Dessa maneira, para acertar na escolha das cores do seu logotipo é preciso estudar as sensações provocadas por cada uma. Também é importante conhecer os logos dos seus concorrentes, para evitar criar um logo muito parecido com os que já existem.

Escolher a combinação de cores certas é um importante passo no caminho para garantir que a sua empresa tenha a imagem esperada no mercado.

Como escolher as cores para o seu logotipo

Acima, destacamos os seus pilares institucionais e o perfil do seu público. No entanto, vale se aprofundar na questão para que o seu logotipo se destaque dos demais — da concorrência, preferencialmente —, agregando mais valor e destaque à sua marca.

Crie sua identidade visual com a gente! | Agência Labra

O primeiro deles é o cuidado em não destoar dos seus valores buscando, para isso, uma associação imediata com um modismo. Por exemplo: existem tonalidades que são tendências para o próximo verão.

Ao seguir essa tendência, o que vai acontecer com o seu logotipo nos anos seguintes? Vai carregar uma tonalidade passageira, da qual pouca gente se lembra ou associa uma sensação.

Outra dica é que você teste exaustivamente as combinações de tons e, por fim, que sempre imprima-as em preto e branco. O motivo para isso se explica facilmente: diante do uso do logotipo em materiais publicitários, pode ser que você tenha que usá-lo sem cores.

E é importante que o logotipo funcione colorido ou não. Que seja legível, inclusive, das duas maneiras.

Por fim, uma dica importante: fuja das preferências pessoais. Como destacamos, o uso estratégico das cores ajuda a gerar associações do seu logotipo com a marca que ele representa, e com o perfil do seu público-alvo.

Se você escapa disso para colocar a sua preferência por verde, por exemplo, fica mais difícil criar essa associação rica com a sua audiência.

Existem cores certas para o logotipo, site e blog?

A nossa resposta, objetiva e simples, é: não. Afinal de contas, estamos falando da construção de sua identidade visual. Ela tem que estar associada, em primeiro lugar, à sua persona e aos motes institucionais de sua marca.

Só que você deve tomar cuidado com base nas considerações acima e, principalmente, nas sensações que você deseja despertar. Muitos tons “cansam” rapidamente a vista, e você não quer que o usuário visite o seu site ou blog e saia rapidamente de lá por conta disso, certo?

Basta ter em mente que o seu logotipo e qualquer outro detalhe da sua identidade visual têm uma mensagem, um objetivo e um valor implícitos — e explícitos — neles. E, se possível, usá-los em combinação com outros fatores, como:

  • cores que dialoguem — ou contrastem, desde que por meio de sensações positivas — em todos os seus materiais. Os digitais, inclusive, como as cores do site, das redes sociais e do blog;
  • cores que gerem um design atrativo e que não canse;
  • cores que gerem identificação mútua;
  • cores que não desapareçam — ou sejam mascaradas — por outros tons presentes em materiais diversos, como o seu catálogo de produtos.

Não é uma tarefa fácil, isso é verdade. Só que a escolha certeira do seu logotipo — após testes e mais testes — é um diferencial e tanto para se aproximar do seu consumidor e criar um relacionamento rico, sólido e duradouro.

Você levou em consideração a psicologia das cores na hora de criar o seu logotipo? Comente a sua opinião sobre o assunto. Ou entre em contato com a equipe LABRA para ajudar nessa questão. Somos especialistas no assunto e você pode conseguir rapidamente o seu orçamento para dar início à elaboração e desenvolvimento do seu logotipo!

Pin It on Pinterest