Blogs e redes sociais trouxeram uma concepção equivocada para muitos empreendedores: a de que eles poderiam abrir mão do investimento em um site institucional de respeito!

Nada mais incorreto, uma vez que o site institucional ainda é a porta de entrada para muitos dos seus clientes em potencial. Sem falar, é claro, do seu forte apelo de marketing para atrair e converter leads.

Por isso, neste post nós vamos explorar as principais questões que a sua empresa precisa avaliar para construir um site institucional diferenciado. Além disso, vamos apresentar uma série de dicas para a manutenção de suas páginas virtuais para atrair sempre mais clientes.

Boa leitura!

 

O que é um site institucional?

Você até pode achar que o site institucional é o seu cartão de visitas digital, mas essa é uma visão parcial de todo o seu potencial. Isso porque ele é também um meio de comunicação, relacionamento e também de vendas para a sua empresa.

É lá onde estão concentradas todas as informações de sua empresa, como:

  • os valores institucionais;
  • os produtos/serviços oferecidos;
  • os diferenciais de sua marca;
  • o portfólio;
  • os meios de contato.

Não à toa, ele deve ser trabalhado estrategicamente para que encante o seu consumidor, mas que funcione também para atrair novos clientes até o seu negócio.

Como usar o site institucional estrategicamente?

Não deve ser novidade que a internet se tornou a base estrutural de nossa sociedade. A maioria dos brasileiros, inclusive, usa-a antes de tomar qualquer decisão de compra, sabia?

Pesquisa da Connected Life destacou que 74% dos entrevistados fazem buscas on-line antes de adquirir um produto ou serviço. E o que isso tem a ver com o seu site institucional? Tudo!

Por meio das palavras-chave que o seu público-alvo faz as buscas on-line é possível colocar o seu site à frente da concorrência, entre os resultados da pesquisa. Assim, ele acessa as suas páginas e interage com o seu conteúdo. E, é aí que entra a relevância estratégica do marketing.

A questão se desenvolve em múltiplas frentes, como:

  • um design alinhado ao DNA da sua marca;
  • menus de fácil navegação;
  • site responsivo — que seja adaptável para ser acessado também via dispositivos móveis;
  • um conteúdo alinhado às técnicas de SEO;
  • informações objetivas, claras e associadas aos objetivos e necessidades  do consumidor.

Isso tudo permite que o seu site institucional tenha mais tráfego e que os visitantes se relacionem mais com a sua marca. Quando feito de maneira assertiva, suas páginas se transformam em ferramentas de conversão de novos clientes.

Por quais outros motivos criar um site institucional?

Caso ainda não tenha se convencido de todo o potencial do site institucional, nós separamos outros motivos que podem ajudar a agregar certezas às suas ideias:

Fortalece a imagem da empresa

É inegável que, uma vez que o seu consumidor faz pesquisas on-line, a sua empresa deve estar ao alcance dele — e não só para a realização de vendas, mas para tirar dúvidas, mostrar-se à disposição para sanar os seus problemas e até mesmo para mantê-lo informado.

Passa mais credibilidade

Pense como um consumidor, por uns instantes: você confia em uma empresa desconhecida, até então, e da qual você não encontra nenhuma informação na internet?

O seu público-alvo pensa da mesma maneira, tenha certeza disso! Por isso, um site profissional, informativo e atualizado constantemente já contribui com mais credibilidade e confiança na mente do seu público-alvo.

Desenvolve sua imagem como autoridade

Se você elabora conteúdos constantemente, é possível que o mercado passe a identificar a sua marca como referência no assunto em questão.

Isso, associado ao blog e às redes sociais, é determinante para que você demonstre todo o seu conhecimento no seu segmento de atuação. Algo que pode ser um fator decisivo para que o consumidor opte pelas suas soluções em detrimento da sua concorrência.

O que deve constar na elaboração de um site institucional?

Agora que você já deve ter em mente os principais fatores relevantes para a criação de um bom site institucional, vamos explorar o seu lado técnico. Para isso, é importante considerar um conteúdo completo em suas páginas, contendo:

  • histórico da empresa, expondo sua experiência, origem, desafios e conquistas;
  • valores institucionais, como a sua missão, visão e os princípios que norteiam a empresa;
  • produtos e serviços, com detalhes de cada um deles para que o consumidor possa associá-los às suas necessidades e objetivos;
  • meios de contato — incluindo, links para o blog e suas redes sociais;
  • cases de sucesso, que funcionam também como materiais de conversão. Afinal de contas, são dados factíveis que comprovam a eficácia dos métodos aplicados.

Vale lembrar que o desafio está em inserir isso tudo, acima citado, com as características que havíamos mencionado anteriormente, como a importância de um design simples e objetivo, mas enraizado com a identidade visual da sua marca.

Além disso, o layout deve ser convidativo, de fácil navegabilidade e com todas as informações muito bem divididas e facilmente encontráveis. Sem falar na relevância de imagens de qualidade e alinhadas ao perfil do seu público (para gerar ainda mais identificação).

Por fim, não se esqueça de atualizar o site institucional constantemente por meio de um conteúdo relevante e de impacto para o seu consumidor. Não se limite ao blog, apenas, e faça com que as suas páginas também sirvam como a porta de entrada para novos clientes.

Não à toa, o desafio é amplo, diversificado e exige boa dose de conhecimento — e um contínuo monitoramento nos dados gerados e em novas tecnologias para impulsionar ainda mais o seu site institucional.

E é por isso que muitas empresas investem na contratação de empresas especializadas para traduzir todos os conceitos aqui explicados em resultados para o seu negócio — independentemente do seu porte ou segmento de atuação.

Quer saber mais sobre o assunto e compreender como uma empresa do ramo pode ser o divisor de águas no sucesso digital da sua marca? Então, não deixe de conferir também o nosso artigo que explica detalhadamente por que a sua empresa deveria considerar a contratação de uma agência de inbound marketing!

Pin It on Pinterest

Share This